06 fevereiro, 2019

Palhinha de plástico? Não, obrigado.


Imagem retirada do Canva
"What goes around, comes around, especially if it floats."  Se não é reciclável, para onde vai o lixo? 
Vai tudo parar ao oceano! Estamos literalmente a plastificar o mar e a matar todos os seres que lá habitam nele.


Infelizmente, o plástico das palhinhas é feito de polietileno de baixa densidade (LDPE) e não existe tecnologia que as recicle em Portugal e também não são biodegradavel! Eles estão a contaminar os oceanos, pois sendo leves, acabam por ir para o mar e os animais marinhos confundem-nos com comida.

"Uma palhinha de plástico demora cerca de 400 anos a degradar-se!"

Dia 3 de fevereiro - Dia Internacional Sem Palhinha.
Podem ver o evento, aqui.

Enough is enough! Chega de poluir o planeta! Recusam as palhinhas dadas em restaurantes, bares, etc. Assim, estão a ajudar a manter as praias limpas, aterros sanitários com menos plástico e ajudar a limpar o oceano. 

Existem várias alternativas de palhinhas de plástico: 
Todas estas lojas acima mencionadas, são nacionais - vamos apoiar marcas portuguesas.

Juntos podemos fazer alguma diferença!
#palhinhazero #strawfreeday
🌍💙💪
2 Comentários

2 comentários:

  1. Não uso palhinha, mas gostei muito das de inox e bambu. Para festas de aniversário e afins, as comestíveis são uma boa ideia :)

    ResponderEliminar
  2. Temos que pensar de forma mais ecológica

    ResponderEliminar

Obrigada pelo comentário! Responderei logo que possível, no vosso blog.
Thanks for your comment! I will get back to you as soon as possible, on your blog.