03 julho, 2018

Gente bonita come fruta feia 🍆🍋🍅🌽


"Gente bonita come fruta feia" e eu faço parte dessa gente!


Fruta feia surgiu em 2013 com a necessidade de inverter tais tendências de normalização de frutas e legumes que nada têm a ver com questões de segurança e de qualidade alimentar. Este projecto visa combater uma ineficiência de mercado, criando um mercado alternativo para a fruta e hortaliças “feias” que consiga alterar padrões de consumo. Um mercado que gere valor para os agricultores e consumidores e combata tanto o desperdício alimentar como o gasto desnecessário dos recursos utilizados na sua produção.

Cerca de metade da comida produzida no mundo cada ano vai para o lixo. Segundo a FAO, o actual desperdício alimentar nos países industrializados ascende a 1,3 mil milhões de toneladas por ano, suficientes para alimentar as cerca de 925 milhões de pessoas que todos os dias passam fome. Este desperdício tem consequências não apenas éticas mas também ambientais, já que envolve o gasto desnecessário dos recursos usados na sua produção (como terrenos, energia e água) e a emissão de dióxido de carbono e metano resultante da decomposição dos alimentos que não são consumidos. Só em Portugal são desperdiçadas um milhão de toneladas de alimentos por ano - 17% do que é produzido pelo país - de acordo com as conclusões do PERDA apresentadas em Dezembro de 2012.

Eu fui educada da forma a dizer não ao desperdício alimentar. Infelizmente, há quem ache que por ter passado a data de validade (é porque está estragado e deita-se fora), mas se ainda tiver bom sabor eu sou capaz de comer-lo. Mas aqui não está em questão da data da validade, mas sim do aspecto das frutas e legumes. Aquelas menos bonitas, são aquelas que são postas de lado e acabam por irem para o lixo. Aqui na Fruta Feia dá-se importância às frutas e legumes menos bonitas
Como diz o ditado popular: "muitas vezes o que parece não é" e isso reflecte-se nos grandes supermercados que tem aquelas frutas bonitas, maçãs grandes e brilhantes, e dás uma trinca e são farinhenta! Ou então por acharem que aquele limão tem "dedos" a mais, por mais estranho que pareça, não tem grande sabor - enganem-se! "Não se deve julgar um livro pela capa."

Mas afinal, como funciona a cooperativa Fruta Feia?
Todas as semanas, a cooperativa Fruta Feia trabalha directamente com os produtores da região, recolhendo nas suas hortas e pomares as hortaliças e frutas pequenas, grandes ou disformes que estes não conseguem escoar. Com estes produtos preparam-se cestas de dois tamanhos para vender  aos consumidores associados da Fruta Feia. Podem inscrever aqui
Ao inscreverem nesta cooperativa, terão que pagar uma cota anual de 5€.

Cesta pequena  3 - 4Kg, 7 variedades de produtos 3,50€
Cesta grande 6 - 8Kg, 8 variedades de produtos 7€


Fui levantar a minha primeira cesta no passado 26 de Junho.
Paguei a cota anual (5€) mais os 3,50€ (da cesta) têm que pagar sempre na hora do levantamento. O pessoal da organização, são pessoas muito prestáveis. Explicaram as condições e o funcionamento do mesmo (no site explica, mas explicação pessoalmente é diferente).


Na minha plataforma da Fruta Feia, consigo ver que tipo de alimentos terei na próxima cesta, podendo ou não comprar (sim, não és obrigado a comprar sempre - tens é uma data limite para o cancelamento). 
Todas as quintas-feiras entre as 17h e as 21h no BA (Bar Académico em Braga) vou levantar a minha cesta (as horas e o sitio de levantamento difere de cidade para cidade).

Ainda recebi de oferta, este saco.
Quando os meus pais viram os alimentos da minha cesta, disseram logo que notavam que eram legumes e frutas caseiras, por serem deformadas e não tinham químicos. 
É um orgulho, fazer parte da família cooperativa Fruta Feia. Ajudo na redução do desperdiço de alimentos. E ao mesmo tempo, estou ajudar a comprar  alimentos que os produtores não conseguem escoar - é um win-win situation - ganham eles (escoam os alimentos que não vendem) e eu compro frutas e legumes da época a um preço excelente!

Façam parte da gente que come fruta feia!
💛💛💛
3 Comentários

3 comentários:

  1. Não sei porque mas sempre tive o habito de escolher as frutas mais "feias", porque aquelas brilhantes e bonitas é sempre para desconfiar o:
    Já conhecia esse "projecto", mas nunca comprei porque não existir na minha zona, contudo tento sempre ir à praça porque ai tenho a certeza que são boas e duram muito tempo :b

    Beijinhos,
    DEZASSETE

    ResponderEliminar
  2. A iniciativa é maravilhosa! Adoraria ver um projeto semelhante aqui no Rio, que essa ideia ganhe asas. <3

    ResponderEliminar
  3. que boa iniciativa, apesar de ser do distrito de Braga, confesso que nunca tinha ouvido falar do mesmo...

    http://arrblogs.blogspot.com/

    ResponderEliminar

Obrigada pelo comentário! Responderei logo que possível, no vosso blog.
Thanks for your comment! I will get back to you as soon as possible, on your blog.